Performance Empresarial

Como saber onde investir e melhorar o planejamento da sua empresa

Como saber onde investir e melhorar o planejamento da sua empresa

Tempo de leitura: 8min43seg.

Se preferir ouça:

Não é de hoje que ser empreendedor no Brasil é um desafio feito para poucos. São centenas de milhares de grandes ideias e pequenos empresários que fecham as portas anualmente.

De acordo com o Sebrae, 50% fecham as portas nos primeiros 4 anos de vida, principalmente pela má gestão empresarial, incluindo aí a gestão de pessoas, a gestão de vendas, gestão do estoque e a gestão financeira, o que é péssimo.

Mesmo assim, segundo o Ministério da Economia, apenas nos 8 primeiros meses de 2020 (em plena pandemia) mais de 2 milhões de pequenas empresas abriram as portas, o que é ótimo, se não fosse o fato da grande maioria empreender por necessidade e não por desejo, e sabemos, tudo aquilo que fazemos por necessidade ou obrigação não é tão motivante.

Tem um ditado popular que é mais ou menos o seguinte: “Já que estamos na chuva, é pra se molhar.”, ou seja, já que criamos um negócio porque 50% fracassam? Por que dos que não fracassam, muitos não conseguem decolar e mesmo depois de tanto tempo operando um negócio se sentem inseguros?

Como mudar ou se prevenir para não ser mais um número da estatística de fechamento? Como decolar? Resposta: Gestão Empresarial!

O problema de gestão empresarial, não é uma dificuldade apenas de quem está começando. Mesmo que atravessem o período crítico de 4 anos, problemas de gestão empresarial podem fazer parte do dia a dia do empresário. Os desafios são muitos:

  • Insatisfação de funcionários;
  • Pandemia;
  • Carga Tributária;
  • Vendas estagnadas ou em queda;
  • Falta de pessoal;
  • Dependência de certas pessoas;
  • Onipresença do dono (ter que fazer ou estar em vários lugares ao mesmo tempo);
  • Desinteresse da família;
  • Legislação;
  • Falta de inovação;
  • Apenas para citar alguns, tiram o sono da grande parte do empresariado.

Infelizmente não existe varinha mágica que resolva esses ou quaisquer outros problemas de gestão empresarial, porém aceitar a condição atual já é um grande passo. Mais do que ficar reclamando ou achar a justificativa para isso ou aquilo enquanto o empresário não disser para si mesmo: sim, minha situação atual é essa, dificilmente conseguirá mudar o jogo. E por que?

Por que enquanto o empreendedor não souber, entender e aceitar onde está, dificilmente conseguirá criar um plano para chegar aonde realmente quer chegar ou merece estar.

Vamos lá: outro ditado popular: “se não sei para onde quero ir, qualquer caminho serve”.

Pois é, muitos empresários com ou sem experiência criam um negócio baseado em uma demanda reprimida, que só ele enxergou e atende, porém mais do que atender é necessário gerar escala de vendas e quanto mais se vende mais gestão do negócio deve-se ter, pois caso contrário o lucro pode estar escapando por um ou mais ralos sem que o empresário perceba.

Ontem foi ou será uma reclamação trabalhista, depois um cliente que não paga, em seguida um funcionário que não veio trabalhar, por fim um grupo de pessoas reclamando disso ou daquilo. Um pouquinho de cada coisa de tempos em tempos vai culminar ao fechamento do negócio se não hoje em algum momento, o que é triste, afinal o empresário enxergou uma demanda e os clientes enxergaram no empresário, em seus produtos ou serviços algo diferente, que só ele tem.

Aumentar a escala de produção gerando vendas e melhorar a gestão empresarial se consegue com a definição clara de estratégias e metas bem definidas e com acompanhamento constante.

As metas devem ser o foco a ser atingido; o alvo. Quando uma empresa, um grupo de colaboradores ou mesmo um empresário individual não tem metas muito bem definidas a chance de sucesso diminui.

[Baixe Grátis – Planilha para Criação de Metas e Plano de Ações – Clica Aqui]

Além das metas, entender qual é a missão da empresa é muito importante.

Hoje em dia quando falamos em missão parece algo sem utilidade. Quantas empresas tem lá escrita a sua missão com palavras bonitas, mas que no dia a dia apresentam produtos e serviços que estão completamente desalinhados a sua missão, sem contar os próprios funcionários que mesmo sem saber não reproduzem através do atendimento, aquilo que alguém um dia definiu como seu diferencial.

Ter a missão da empresa clara, leva a todos a entender porque ela está no mundo e o que ela promete fazer de diferente para o mundo que a rodeia como clientes, fornecedores e colaboradores. A missão da empresa deve ou deveria estar na ponta da língua de qualquer colaborador começando pelo dono.

Com a missão da empresa e metas bem definidas muitas ideias consideradas excepcionais poderiam ser eliminadas, mantendo o foco do empreendedor e da equipe naquilo que ela pode fazer de melhor, mas não é só.

Também é necessário ter um planejamento empresarial. Quando pensamos em planejamento empresarial parece algo distante, feito para grandes empresas o que é um erro. O planejamento empresarial deve fazer parte do dia a dia de qualquer negócio, independentemente do seu porte ou segmento.

O planejamento empresarial é o caminho que leva a empresa a atingir um ou mais resultados específicos, ou seja, metas.

Planejamento sem estar atrelado a metas não faz ninguém vencer os desafios, aumentar a receita, se adaptar ao momento e por aí vai. No máximo faz dizer para si mesmo: como fui bom.

Então, para melhorar o planejamento da empresa primeiramente é necessário:

  1. Reconhecer e aceitar a situação atual.
  2. Entender exatamente qual a missão da empresa ou propósito do seu serviço ou negócio.
  3. Definir metas reais.
  4. Ter um planejamento empresarial atrelado as metas.

Como o coaching pode lhe ajudar a melhorar o planejamento da sua empresa?

O Coaching é um processo estruturado onde o cliente e profissional tem por objetivos estabelecer metas reais, específicas, mensuráveis e positivas baseadas em um desejo ou necessidade (como por exemplo: planejamento empresarial) ajudando o participante a avaliar seu meio ambiente e impacto que essa meta terá ao ser atingida antes mesmo de começar.

O Coaching também ajuda no processo de levantamento e decisão das principais ações e em que ordem devem ser seguidas, o que chamamos de sub metas ou “tarefas de caminho” que levarão ao grande destino que é a meta alcançada.

A MegaPlay Coaching ajuda pessoas, profissionais, empresários e empresas de pequeno, médio e grande portes a serem mais efetivas com sua gestão empresarial do Coaching Executivo, Coaching de Equipes e Coaching Empresarial, colaborando na construção de metas reais, planos realizáveis e objetivos que respeitam a situação de cada cliente; fazendo com que os envolvidos caminhem para frente, mantendo o foco no que é mais importante: a realização dos seus objetivos.

 

Leia Também:

4 fatores que podem comprometer o resultado da sua empresa

Tudo o que você precisa saber sobre como melhorar a tomada de decisão

Como funciona o coaching de negócios para empresários

Por que contratar o coaching executivo para você ou a sua equipe?

10 vantagens do coaching a distância

20 habilidades desenvolvidas no processo de coaching

Tagged , , , , , , , , , , , , , , ,

About Rogério Oliveira

Coach Executivo e de Vida Internacional certificado pela Illuminata/ICC (International Coaching Community). Practitioner em PNL Sistêmica certificado pela Illuminata/Lambent do Brasil. Sócio-diretor da Megaplay Coaching. Empreteco (SEBRAE/SP) e empresário, atuando há mais de 20 anos como empresário, gestor e líder.
View all posts by Rogério Oliveira →